08/07/2017

REVIEW: Anjos da Noite - Guerras de Sangue


 Olá, Leitores! Ou telespectadores? 
 Depois de tanto prolongar, finalmente começarei a falar sobre mais uma das coisas que mais amo na vida: Filmes! Na "Review", irei dar minha opinião sobre os filmes que venho assistindo, destacando seus pontos positivos e negativos.
 O escolhido para iniciar a coluna foi Anjos Da Noite: Guerras de Sangue, 5° volume da saga Underworld. Não se preocupem; mesmo sendo sequência, evitarei ao máximo dar qualquer spoiler dos filmes anteriores. Então, bora começar?



Titulo: Anjos da Noite - Guerras de Sangue (#5)
Original: Underworld - Blood Wars (#5)
Diretora: Anna Foerster
Ano: 2016
Elenco: Kate Beckinsale, Theo James and more.
Distribuidora: Sony Pictures
Assista ao TrailerLegendado / Dublado
Classificação★★★ (4,3 Estrelas)
Gêneros: Ação / Sobrenatural 
Sinopse: Selene (Kate Beckinsale) é uma guerreira vampira que luta para acabar com a guerra eterna entre o clã Lycan de lobisomens sanguinários e a facção de vampiros que a traiu. Quando um novo levante parece tomar forma, ela irá utilizar sua influência e relacionamento com ambas as partes para negociar um cessar fogo.

 Após lutar contra todos para salvar quem ama nos 4 primeiros filmes, a vampira Selene volta totalmente desesperançosa em "Guerras de Sangue". Após perder a localização de Michael, por quem é apaixonada, e de Liz, sua filha, Selene agora vive em função da própria sobrevivência; exilada e perseguida por clãs de Lycans (Lobisomens) e Vampiros ao redor do mundo, sua vida é baseada em lutar e acabar com aqueles que a querem presa. Isso, pelo menos, até que um dos maiores clãs de vampiros decide dar anistia á guerreira em troca de ajuda para treinar sua tropa contra possíveis ataques de Lycans. Aceitando a oferta, a guerreira acaba caindo novamente em uma trama onde é arriscado confiar sua segurança á qualquer um, e assuntos de seu passado voltam á tona fazendo-a questionar a própria existência. 

Kate Beckinsale como "Selene"
A primeira coisa que se destacou nesse filme foi a falta de espirito de Selene; nos filmes anteriores, a heroína estava sempre lutando por algo, seja encontrar seu amante hibrido ou proteger sua recém descoberta filha. Mas, em Guerras de Sangue, a falta de um objetivo fica nítida; a mulher não tem mais expectativas na vida, agindo apenas por impulso para continuar vivendo seus monótonos dias. Isso até que David (Theo James) consegue encontra-la e ambos são solicitados por um clã para proteção contra Lycans. 

Kate e Theo James, como "David"
Aos poucos, fui percebendo que essa falta de objetivo foi totalmente proposital; quebrando a imagem de invencível dos filmes anteriores, Selena perde várias lutas (externas e internas) até reencontrar a si mesma durante uma visita á um clã pacifico no topo de gélidas montanhas. Isso acontece na reta final, mas foi o suficiente para a saga retomar o fôlego que havia perdido no filme anterior, O Despertar, quando erraram em absolutamente tudo em um momento propicio para um novo recomeço.

Lara Pulver como "Semira" e Charles Dance como "Thomas".
Guerras de Sangue também trouxe o clima gótico que a saga não via desde o segundo filme; a combinação do jogo de luzes, enquadração de cenas e trilha sonora me fizeram esquecer totalmente da falha tentativa de modernização que fizeram no ultimo filme. A atuação dos atores também teve uma perceptível melhora; o alto nível do elenco, com atores de Game of Thrones, deixou nítido que queriam fazer certo desta vez.


Já o enredo me deixou com opiniões divididas; por mais que tenham aberto um leque maior possibilitando infinitos rumos a serem explorados, continuam esquecendo de dar real continuidade á vários assuntos. Isso começou já no 3° volume, quando tiveram a genial ideia de meter um filme antológico no meio da saga. No 4°, nenhuma pergunta é respondida e novas são criadas, e em guerras de Sangue temos a rápida (e inacreditável) resolução de tais assuntos, em uma desesperada tentativa de recomeçar a saga com fôlego total. Talvez devessem pensar em encerrar a saga no próximo filme e então partir para um spin-off. Prolongar a trajetória de Selene só desanima o publico geral, e a prova disso são os baixos números de bilheteria de Guerras de Sangue


No final, Guerras de Sangue me deixou extasiado e temeroso. Fiquei extremamente feliz em ver tudo voltando ás raízes góticas do inicio, mas temo pelo futuro da saga; com a arrecadação desse, duvido seriamente de um próximo filme. Tinham a chance de encerrar a jornada de Selene com estilo, mas acabaram tentando dar um novo rumo á um enredo já saturado. Rumores já apontam um sexto filme com Kate Beckinsale exercendo cargos produtivos, mas a fraca arrecadação me faz duvidar de uma sequência. Só nos resta esperar e torcer por um bom encerramento, pois é o mínimo que uma personagem como Selene merece.

4,3


11 comentários:

  1. Como vai?
    Uau este filme deve ser maravilhoso! O livro também deve se uma maravilha.
    Fiquei super curiosa quando li seu post!
    Abraços: @keilyces

    ResponderExcluir
  2. Oie, tudo bom?
    Eu nunca me interessei por essa saga, na verdade. Só admiro muito a produção que é foderástica, mas nem sei do que se trata a história direito, rs. Mas adorei sua resenha, eu também inaugurei a tempos uma coluna de filmes em meu blog, é uma delícia falar sobre ♥

    ResponderExcluir
  3. olá! Eu assistir esse filme pois sou apaixonada por esta saga, porém a minha opinião sobre o mesmo é que não sentir tanta emoção quanto aos outros, não sei porq, apesar do filme ser bom, não senti meus pelos arrepiarem kk
    no mais a sua resenha está otima!
    www.levandoaserio.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Olá, Fábio. Gostei bastante da sua resenha, nunca tinha visto esse livro, mas me interessei bastante, principalmente pelo filme. Abraços!!

    http://textosquenaoseraolidos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Eu sou supeita pra falar pq amo essa saga
    pra mim valoriza muito ter uma mulher a frente
    mostrando ela uma mulher guerreira e forte
    eu amei sua resenha

    ResponderExcluir
  6. Eu não tenho tanta vontade de assistir aos filmes dessa saga, acho que o estilo não é muito minha cara...
    Beijos
    Mari
    www.pequenosretalhos.com

    ResponderExcluir
  7. Olá, tudo bem?

    Assisti alguns filmes da saga esporadicamente e para ser sincera não lembrava muito do enredo. Ao ler sua resenha, fui lembrando de algumas coisas e fiquei bem curiosa, pois mesmo não sendo meu gênero preferido, é algo que gosto de ver a dois. Só por ter o Theo no elenco já vale a pena haha

    Beijos!

    ResponderExcluir
  8. Oi Fabio! Eu só vi o primeiro e gostei muito mesmo! Que bom que o longa retoma um pouco do início da saga e que pena que eles não sabem quando parar hehehehehe

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  9. Oi Fabio
    Eu gostei muito do seu review, muito bem escrito e o melhor, sem spoilers. Confesso que ainda não assisti esse filme, mas gosto muito da franquia. Lembro, que na época que foram lançados os primeiros filmes eu fiquei fissurada por eles, pela trama e pelo clima sombrio.
    Parabéns pela review.

    Beijos!!
    Abobrinha com Chocolate

    ResponderExcluir
  10. Olá!

    Já tinha curiosidade em ver esse filme e você só intensificou!hahahahahahaha.
    Amei a review, sem spoilers, bem escrita e franca!

    Um super beijo
    Livros em Contexto

    ResponderExcluir
  11. Eu gostei MUITO desse Anjos da Noite, acho que é o meu favorito da franquia. Selene como sempre rainha e o final fiquei completamente de boca aberta, abriu um leque maravilhoso de histórias pra contar, eu achei.

    www.sextadimensao.com

    ResponderExcluir