28/03/2018

Resenha: A Maldição Gricem (A Herdeira #2) - Katerine Grinaldi


Olá, Leitores! Hoje a resenha vai ser de A Maldição Gricem, sequência de A Herdeira, da autora brasileira Katerine Grinaldi. Como é o segundo volume da saga, a resenha poderá conter alguns spoilers. Caso queira passar longe, deixei meu comentário geral livre deles lá no final do post :) Bora?



Nome: A Maldição Gricem (#2)
Saga: A Herdeira (resenha do volume #1)
Autora: Katerine Grinaldi
Ano: 2017
Páginas: 300
Editora: Sinna
Gênero: Fantasia, Romance, YA
Onde EncontrarSkoob
Classificação★★★★★  (4,6/5,0)
Sinopse: Kate aceitou sua herança, porém não tinha ideia do que o destino lhe reservava. Segredos perdem seus mantos, traições despedaçam corações, mas em quais acreditar? Algumas descobertas podem ser perigosas, outras deveriam permanecer enterradas e, em meio a uma situação arriscada, a herdeira precisará tomar uma decisão importante. “De que adianta a magia, senhorita Kate, se não for para salvar aqueles a quem amamos?”. Quem pagará o preço pelas suas escolhas? Você quer conhecer a Maldição Gricem? Abra este livro e descubra... Mas se o segredo não puder proteger, um sábio conselho lhe dou: “Finja não saber!”

Depois do final explosivo de A Herdeira, minha ansiedade para começar A Maldição Gricem estava altíssima. Eu PRECISAVA saber mais sobre a traição bombástica do último capítulo, assim como o destino da protagonista, Kate, que havia supostamente batido as botas. 

Se A Herdeira apresenta a herança de sangue de Kate, A Maldição Gricem mostra o lado obscuro de ser uma bruxa. Além dos já conhecidos dramas juvenis da protagonista, somos apresentados á vários problemas que a jovem terá de enfrentar para aceitar o legado deixada por sua avó. O primeiro deles vem logo no começo, quando Kate vai parar no reino dos mortos.


Assumo que eu não imaginava isso como rumo para a protagonista. Pelo primeiro volume ter sido mais introdutório, a autora não ousou muito na mudança de cenários. Começar o segundo volume em um universo completamente diferente colocou a premissa em outro nível, me fazendo engajar na leitura logo no começo. 

Nas primeiras páginas, acompanhamos Kate em uma viagem "astral" ao passado. Ela vai parar em uma época completamente diferente, no julgamento da bruxa que daria início á maldição relacionada á sua herança. Além de apresentar novos personagens, significados e elementos á trama, essa viagem ao julgamento de Maya Gricem também serviu para sanar dúvidas que tive lá no primeiro volume. Descobrimos um pouco mais sobre a parte política do mundo mágico, incluindo os conflitos entre duas peças importantes nesse jogo. Logo, Kate terá de fazer uma escolha que afetará toda a sua jornada. 


Enquanto ela faz esse mergulho no mundo bruxo, seus amigos procuram maneiras de traze-la de volta á vida. A narrativa é alternada entre esses dois núcleos, dando-nos ampla visão dos acontecimentos que podem influenciar o destino da garota. Reclamei que no primeiro volume foram jogadas várias coisas para o leitor digerir, e nem todas foram desenvolvidas. Já nesse, senti que a autora se segurou e soltou somente o que poderia explorar, utilizando as outras páginas para desenvolver o apresentado anteriormente. O resultado disso foi um ritmo calmo, compreensivo, onde a narrativa não corre na frente do leitor, mas ao seu lado. Ainda senti falta de uma explicação simples sobre algumas coisas, como por exemplo o que realmente são a maldição e a herança, pois me vi confuso em relação á isso. Mas, com o decorrer da estória, fui encaixando as coisas e terminei a leitura com tudo em seu devido lugar.


Ah, e antes que eu me esqueça, preciso dar destaque á narrativa da Katerine Grinaldi. Se no e-book de A Herdeira percebi vários trechos com quebra de ritmo, erros gramaticais ou de digitação, nesse não vi nenhum. O trabalho de edição da editora ficou impecável, valorizando ainda mais a boa fluidez dos textos da autora. Isso, combinado á linda edição visual, deixou o livro indispensável na estante dos leitores da saga. O capricho em oferecer material de qualidade foi tão grande que colocaram até alfabeto próprio na edição! Foi divertido ver as mensagens no idioma ancestral da obra, o Tebano, e decifra-las usando a tabela inclusa nas primeiras páginas. É uma edição que eu não penso duas vezes em adquirir. Vou até esperar receber o $$ para comprar o primeiro volume e, quem sabe, dar uma relida?! :D




Comentário Geral: Em A Maldição Gricem, senti um avanço enorme em relação ao primeiro volume da saga, A Herdeira. A narrativa da autora está mais fluída, controlada, e consegui seguir o ritmo da obra sem problemas. Algumas cenas de romance acabaram ficando demasiadamente longas, o que as vezes quebrava meu frenético ritmo de leitura. Mas a curiosidade era sempre maior e, dez páginas depois, eu já havia recuperado a animação e mergulhava de vez no enredo. Tive, literalmente, de me controlar nos últimos capítulos para não acabar o livro rápido demais. Já estou no aguardo dos próximos volumes! Recomendo.



11 comentários:

  1. Olá. :)

    Confesso que eu não quis spoiler e fui direto para o seu comentário, mas daí, senti meio vaga a informação - mais por mim, que eu não sei nada sobre o primeiro livro. Acho que uma intro sobre o primeiro ia me ajudar a entender mais, tanto que fui ler pra cima - e tomei spoiler. EHEHUEH
    Você avisou, a culpa foi minha, mas achei bacana, embora tenha ficado meio perdida.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Nossa, obrigado por avisar! Até coloquei a premissa geral no ultimo comentário, mas por alguma razão que nem eu sei, acabei excluindo. Vou tratar de arrumar para não acontecer mais!

      Obrigado :D

      Excluir
  2. Oi Fábio, tudo bem?

    Conheço a obra da autora, tenho o e-book no kindle, mas nunca me interessei em ler. A obra parece ter uma trama interessante e o fato da personagem fazer uma viagem no passado também é legal, mas no momento não seria um livro que leria. A capa está linda!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  3. ola Fabio....
    Nem sei o que comentar pois não e uma literatura que me agrada no entanto tem inúmeros quer aprecia...não sei é por falta de tempo ou por sentir atraido por outras obras...
    https://robsondemorais.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Confesso que não me apego muito a esse tipo de leitura, porém nao deixa de ser interessante a história. Quem sabe um dia ainda não leio. 😊

    ResponderExcluir
  5. Eu vejo os blogs de vocês e fico vendo como tenho tanto para aprender.

    ResponderExcluir
  6. Oi, a capa é excelente, muito bem feita mesmo. É daquelas capas que instigam a conhecer a história. Se a história for tão boa quanto a descreveu e a capa que a editora fez para o livro, certamente será um sucesso.

    Muito boa resenha, gostei muito Fábio.

    ResponderExcluir
  7. Oioi
    Essas quebras de ritmo também costuma me quebrar, mas que bom que em pouco tempo a ação volta, não me lembro direito do enredo do primeiro livro, vou dar uma lida para me decidir a respeito desse, que me pareceu interessante.

    ResponderExcluir
  8. Oi Fabio,
    Eu não gosto de spoiler por isso passei para o comentário geral, so leio series quando já tem todos os livros publicados senão infarto enquanto aguardo os outros saírem. Exceto se as historias não forem uma continuação, tenho lido coisas muito boas de fantasia sendo produzida pelos escritores brasileiros. Não sou muito de ler fantasia mas admiro muito quem é capaz de criar uma universo desse. adorei as fotos e prometo voltar para ler na integra quando eu ler o livro. Beijos

    ResponderExcluir
  9. ola Fabio....
    Nem sei o que comentar pois não e uma literatura que me agrada n... Estou lendo só livros da Pós ultimamaente :(

    ResponderExcluir
  10. Olá, Lupi! =)
    Eu fui direto ao seu comentário geral, pois não conheço a série, e quando li a sinopse deste fiquei beeem interessado. Então prefiro me abster de maiores informações sobre a trama (rs.). A capa também é linda! Valeu a dica.

    - Bjux,
    Diego || Blog Vida & Letras ♥
    www.vidaeletras.com.br

    ResponderExcluir